InícioAraripina em FocoMorre Zé do Rádio, torcedor do Sport "mais chato do mundo"

Morre Zé do Rádio, torcedor do Sport “mais chato do mundo”

Apesar da vitória sobre o
Santos pela Copa do Brasil , o torcedor rubro-negro do Sport Recife não teve
motivos para comemorar nesta quinta-feira. Os leoninos perderam um dos
principais símbolos da fanática torcida da Ilha do Retiro. Morreu, vítima de
uma parada cardiorrespiratória, aos 69 anos, Ivaldo Firmino dos Santos, o Zé do
Rádio.
Quem ia ver o Sport na
Ilha do Retiro não deixava de notar a presença do folclórico torcedor. Com a
corneta afiada e o enorme rádio colado à orelha, Zé era um marcador implacável
dos técnicos adversários. Tornou-se símbolo da torcida e ganhou o apelido de
“torcedor mais chato do mundo”, inclusive entrando no Livro dos Recordes.
De acordo com a nota de
falecimento divulgada pelo Real Hospital Português de Beneficência, Ivaldo
Firmino dos Santos, o Zé do Rádio, deu entrada no hospital na madrugada desta
quinta em parada cardiorrespiratória. Foi reanimado e internado na Unidade de
Recuperação Cardiotorácica, teve nova parada, mas não respondeu aos
procedimentos dos médicos e morreu às 10h30 (de Brasília).

Zé do Rádio já havia
passado por transplante do coração há 13 anos. O ilustre torcedor era portador
de DIABETES, tinha hipertensão e sofria com problemas renais crônicos. O corpo
será velado hoje no cemitério Parque das Flores, no Recife, mesmo local do sepultamento
previsto para esta sexta. A diretoria do Sport Club Recife prepara homenagens a
um de seus mais ilustres torcedores.
Allyne Ribeirohttps://araripinaemfoco.com
Diretora de Edição e Redação de Jornalismo
RELACIONADOS