InícioAraripina em FocoPedido de inquérito contra Dilma tem como alvo pernambucano presidente do STJ

Pedido de inquérito contra Dilma tem como alvo pernambucano presidente do STJ

O pedido feito pela
Procuradoria-Geral da República (PGR) ao Supremo Tribunal Federal (STF) para
investigar a presidente da República afastada, Dilma Rousseff, por supostamente
tentar obstruir o andamento da Operação Lava Jato também envolve membros do
Poder Judiciário. Os nomes do presidente, Francisco Falcão, e do ministro Marcelo
Navarro Ribeiro Dantas, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), são citados no
documento, enviado ao ministro Teori Zavascki no mês passado.
O procedimento está oculto
na Corte e tem como base a delação premiada do senador cassado Delcídio Amaral
(sem partido-MS). De acordo com o ex-parlamentar, Dilma teria tentado obstruir
os andamentos da Lava Jato em ao menos três episódios. Um deles remonta à
negociação para nomear Navarro ao STJ.

De acordo com Delcídio, o
nome de Navarro foi sugerido pelo ministro Falcão, que estaria alinhado com o
governo federal. A intenção, segundo a delação, era de que o novo ministro, ao
assumir a relatoria da Operação Lava Jato na Corte, votasse pela soltura dos
empreiteiros envolvidos no esquema, como o ex-presidente da Odebrecht Marcelo
Odebrecht. Navarro, ao assumir a vaga, votou pela soltura dos executivos
presos, mas terminou vencido entre os ministros. 
Allyne Ribeirohttps://araripinaemfoco.com
Diretora de Edição e Redação de Jornalismo
RELACIONADOS