InícioAraripina em FocoCunha é notificado de pedido de afastamento feito por procurador

Cunha é notificado de pedido de afastamento feito por procurador

O presidente da Câmara,
Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi notificado na manhã desta terça-feira (16) do
pedido de afastamento dele do cargo feito pelo procurador-geral da República,
Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF).
Janot argumenta que Cunha
utiliza a função  para obstruir as
investigações da Operação Lava Jato e o andamento de uma representação contra
ele no Conselho de Ética da Câmara.
No pedido feito ao
Supremo, o procurador requer que o peemedebista seja afastado tanto do comando
da Câmara quanto do mandato de deputado federal. Com a notificação ocorrida
nesta terça, Cunha terá dez dias contados a partir desta quarta (17) para se
manifestar no caso.
Caberá ao Supremo decidir
se afasta ou não o presidente da Câmara. Janot alega que o peemedebista usa seu
poder para constranger e intimidar parlamentares, réus colaboradores, advogados
e agentes públicos.

O deputado nega, diz que o
pedido é baseado em “ilações” e “agressões” e que o procurador-geral da
República pretende fazer uma “cortina de fumaça” para tirar o foco do processo
de impeachment da presidente Dilma Rousseff. (Do G1)
Allyne Ribeirohttps://araripinaemfoco.com
Diretora de Edição e Redação de Jornalismo
RELACIONADOS